FPI/SE DISTRIBUI COLETES SALVA-VIDAS NA ALDEIA INDÍGENA XOKÓ

Escrito por .

A Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) do São Francisco em Sergipe entregou 150 coletes salva-vidas aos integrantes da aldeia indígena Xokó, no município de Porto da Folha. A ação é resultado de um Termo de Ajustamento de Conduta assinado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), que destinou 1000 coletes para a Marinha do Brasil. Destes, 500 estão sendo distribuídos durante FPI.

O Capitão dos Portos de Sergipe, Alessandro Black, explicou que várias comunidades ribeirinhas serão beneficiadas pela ação. Nessa terça (15), além da aldeia Xokó, a comunidade quilombola Mocambo também recebeu o material. Para o Cacique Bá, o material será um importante item de segurança para a comunidade. “Todos aqui se servem do rio, adultos jovens e crianças. E agora temos mais um item de proteção para nosso povo”, destacou.

Segurança – No último domingo (13), a aldeia Xokó foi alvo de outra ação da FPI. As crianças da comunidade, reunidas na Escola Indígena Dom José Brandão de Castro, receberam aulas de segurança e primeiros socorros de uma equipe do Corpo de Bombeiros de Sergipe. Na mesma tarde, a equipe Espeleologia/Arqueologia realizou uma atividade de educação ambiental, apresentando itens arqueológicos como machadinhas e cerâmicas relacionados às comunidades indígenas que habitaram a região desde a pré-história.

 

Assessoria de Comunicação FPI/SE

Imprimir